Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Curral Quântico

We are no longer the same, you wiser but not sadder, and I sadder but not wiser (...)

O Eterno Complexo

   Eu gostava de aligeirar o tom, pois gostava. Este pardieiro nada ganha com os meus acessos depressivos, a autocomiseração já não é novidade para ninguém. Mas, que querem?, ultimamente, têm-me faltado razões para sorrir. Fui às compras e descobri que as minhas maminhas encaixam numa reles copa A. Não há muitas lojas que vendam copa A. Entrei numa, ao lado do meu antigo cabeleireiro, e a senhora que me atendeu riu-se de mim e disse que nem nunca recebeu copas dessas. Minto se disser que não desejei que a gravidade fosse generosa com ela e lhe pusesse as tetas a varrer o chão. Noutra loja tentaram impingir-me copas B com meio quilo de enchimento, e numa terceira questionaram a minha necessidade de sequer usar soutien. Foi uma daquelas ocasiões em que bendisse as horas de terapia: sem elas, os escaparates de cuequinhas rendadas teriam sido usados como arma, porque tetas-esfregona seriam um castigo leve para aquela alma iluminada. Eu preciso daquilo eu que eu quiser, sua megera mamalhuda! E com isto decidi expandir geograficamente as buscas. Lá acabei por encontrar aquilo de que precisava - não aquilo que queria. O que eu queria era uma copa D, cabelo liso e leite creme com zero calorias.

2 comentários

Comentar post