Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Curral Quântico

We are no longer the same, you wiser but not sadder, and I sadder but not wiser (...)

   Voltei a casa na véspera do meu aniversário; entretanto envelheci, inchei; deu-me a moléstia, fiz beicinho com as saudades. E estão ainda para vir duas semanas de parvalheira, mais o medo de encontrar fantasmas na rua. Vou passar o ano a dormir, sem passas, sem champanhe, sem beijinho -- logo agora que podia receber um, dar outro, e aquecer os pés de mãos dadas. Fiquem sabendo que odeio festejar a passagem do ano, tenho as piores memórias das primeiras horas dos últimos 8 ou 9 calendários (tanto que algumas arriscaram-se a ser as últimas). Não é desta que se muda a história, com muita pena minha, do homem dois mil quilómetros a norte, e da família que tenta ignorar a irascibilidade crescente nos meus modos. As pessoas não mudam, muito menos eu.

Pág. 1/5